Famílias inscritas no CadÚnico e Beneficiários do BPC têm direito a desconto na conta de energia elétrica

A Secretaria de Desenvolvimento Social e Humano, através da gestão do Bolsa Família, orienta as famílias inscritas no cadastro único ou que tenham entre seus moradores pessoas que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), que podem procurar a Energisa e se inscrever na Tarifa Social de Energia Elétrica e solicitar redução na conta de energia, para ter esse direito é necessário que a renda per capita seja menor ou igual a meio salário mínimo.

Esse direito é assegurado pela Lei nº 12.212/2010, e o valor a ser descontado varia de acordo com o consumo mensal de cada família, para as famílias que consomem:
Até 30 kWh o desconto será de 65%,
De 31 kWh a 100 kWh o desconto é de 40%,
E de 101 kWh a 220 kWh o desconto fica em 10%.
Para solicitar o desconto, as famílias inscritas no CadÚnico ou o beneficiário do BPC ou um dos integrantes de sua família, deve procurar a companhia de energia elétrica local (Energisa), portando as seguintes informações:

– Nome do beneficiário;
– Número do Benefício (NB);
– Cadastro de Pessoa Física (CPF) e Carteira de Identidade, ou outro documento de identificação oficial com foto;
– Código da unidade consumidora a ser beneficiada (UC), constante na conta de luz.

Gestão do Cadastro Único, realiza atualização cadastral na comunidade de Torres

A equipe de Gestão do Bolsa Família continua com a atualização cadastral dos beneficiários, desta vez o mutirão será na comunidade de Torres, no próximo dia 12 de dezembro no horário das 9hs às 16hs, para a atualização cadastral dos beneficiários da localidade e das comunidades de Salinas de Baixo, Salinas de Cima e Salinas dos Mangaios.

Os beneficiários devem se dirigir até o Posto de Saúde de Torres, para atualizar o cadastro.

A Gestão do Bolsa Família orienta que é necessário apresentar os documentos pessoais de todos os membros que compõem a família , os documentos exigidos são: CPF, Identidade, Carteira Profissional, Titulo de eleitor, Registro de nascimento/casamento e comprovante de renda, caso possua vínculo empregatício, comprovante de residência e matrícula do filhos em idade escolar.

Caso as famílias não atualizem o cadastro junto ao Bolsa Família, poderão ter o bloqueio do benefício e posterior cancelamento conforme alerta o Ministério do Desenvolvimento Social – MDS.

IMPORTANTE
Para as famílias que não recebem nenhum benefício do Governo Federal, mas que estão no Cadastro Único, precisam manter as informações cadastrais atualizadas. E as famílias que tem uma sua composição, usuário que recebe o Beneficio de Prestação Continuada(BPC) e ainda não atualizaram o cadastro, tem até o dia 31 de dezembro de 2018 para fazer a atualização, pois após este prazo o beneficio será suspenso.